Exemplos de
Termos da oração

Uma oração é uma frase ou parte de uma frase que se organiza em torno de um verbo e pode ou não expressar um sentido completo. As orações em português são compostas de uma série de elementos que respondem a uma ordem interna e a uma lógica comunicativa. Por exemplo: O dia está ensolarado.

São chamados de “termos da oração” as palavras que desempenham uma função sintática específica no interior da oração. Os termos estão divididos em três grupos de acordo com a importância dentro da oração: essenciais, integrantes e acessórios.

Os termos essenciais da oração se dividem em duas grandes estruturas principais: sujeito e predicado.

  • Sujeito. É a estrutura que indica quem realizou a ação ou o elemento sobre o qual se predica. Para reconhecê-lo, pergunta-se ao verbo “o que?” ou “quem?” realiza a ação. Por exemplo: A multidão gritava eufórica. Quem gritava eufórica? A multidão. Também é possível mudar o número do verbo e observar qual estrutura será afetada. Por exemplo: As multidões gritavam eufóricas.
  • Predicado. É a estrutura que detalha a ação que realiza o sujeito. Para identificá-lo, basta identificar o sujeito e tudo que resta é o predicado. Por exemplo: A multidão gritava eufórica. Quem gritava eufórica? A multidão (sujeito), gritava eufórica (o restante da frase).

Dentro destas duas estruturas, nem todas as palavras têm a mesma função e hierarquia. Algumas são centrais, fundamentais para entender a ideia, e estas são, portanto, consideradas o núcleo. Por sua vez, os núcleos são frequentemente acompanhados por outras palavras que modificam ou ampliam suas informações. Por exemplo:

  • A casa da minha tia tem piso de madeira.
    Sujeito: casa da minha tia
    Núcleo do sujeito: casa
    Adjunto adnominal: a, da minha, tia
    Predicado: tem piso de madeira
    Núcleo do predicado: tem
    Objeto direto: piso
    Adjunto adnominal: de madeira

Quais são os termos da oração?

Os termos da oração são as diferentes estruturas sintáticas que a compõem. Dividem-se em três grupos de acordo com sua importância. Normalmente, o sujeito e o predicado são os mais importantes.

Termos essenciais da oração

Sujeito. O núcleo é a palavra que contém a informação mais importante dentro do sujeito e forma parte de um sintagma nominal que realiza a ação do verbo. Pode ser:

Predicado. O núcleo do predicado é a palavra que contém a informação mais importante dentro do predicado. No predicado verbal, o núcleo é um verbo, no predicado nominal, um nome, no predicado verbo-nominal, um verbo e um nome. Indica a ação realizada ou o que se diz sobre o sujeito. Por exemplo: A gata da vizinha miou a noite inteira.

Termos integrantes da oração

  • Complemento nominal. São construções que são precedidas por uma preposição e completam o sentido de substantivos, adjetivos, advérbios. Por exemplo: O atraso da candidata prejudicou a sua entrevista.
  • Aposto. São esclarecimentos de caráter nominal que podem ser intercambiados pelo núcleo, um substantivo ou pronome, e geralmente são escritos entre vírgulas. Por exemplo: Maria, minha irmã, está cansada hoje.
  • Complemento direto ou objeto direto. É o elemento que completa o sentido de um verbo transitivo direto. Em geral não é precedido por uma preposição. Pode ser substituído pelos pronomes oblíquos o, a, os, as. Por exemplo: Maria publicou livros./Maria os publicou.
  • Objeto indireto ou complemento indireto. É o elemento que completa o sentido de um verbo transitivo indireto. É precedido por uma preposição. Pode ser substituído pelos pronomes oblíquos lhe, lhes, me, te, se, nos, vos. Por exemplo: Maria escreveu uma carta ao seu pai./Maria lhe escreveu uma carta.
  • Agente da passiva. Está presente nas orações na voz passiva e é introduzido pela preposição por. Por exemplo: A carta foi escrita pela Maria.
  • Predicativo do sujeito. Está presente nas orações que contém um verbo de ligação e tem a função de atribuir ao sujeito uma característica ou atributo. Por exemplo: Maria é escritora.
  • Predicativo do objeto. É um elemento que acompanha o verbo, se refere ao objeto direto ao qual lhe atribui uma característica. Concorda com o complemento em gênero e número. Por exemplo: Os leitores de Maria acharam o livro engraçado./Os leitores de Maria acharam os livros engraçados.

Termos acessórios da oração

  • Adjunto adnominal. São artigos, pronomes, numerais ou adjetivos que caracterizam ou descrevem o núcleo nominal. Por exemplo: Nossas próximas férias serão em março.
  • Adjuntos adverbiais. Fornecem informações sobre o modo ou as circunstâncias em que a ação ocorre. Dependendo das informações que fornecem, são classificados em diferentes tipos: de lugar, de tempo, de modo, de intensidade, de companhia, de causa, de instrumento, de finalidade, de negação, de afirmação, entre outros. Por exemplo: Maria escreve muito bem.

Exemplos de elementos da oração

  1. Meu avô comprou flores para sua esposa.
    Sujeito: meu avô
    Núcleo do sujeito: avô
    Adjunto adnominal: meu
    Predicado: comprou flores para sua esposa
    Núcleo do predicado: comprou
    Objeto direto: flores
    Objeto indireto: para sua esposa
  1. Amanhã esperaremos os jogadores aqui.
    Sujeito oculto: nós
    Predicado:
    Adjunto adverbial de tempo: amanhã
    Núcleo do predicado: esperaremos
    Objeto direto: os jogadores
    Adjunto adverbial de lugar: aqui
  2. As provas começaram hoje.
    Sujeito: as provas
    Núcleo do sujeito: provas
    Adjunto adnominal: as
    Predicado: começaram hoje
    Núcleo do predicado= começaram
    Adjunto adverbial de tempo: hoje
  3. O escritor receberá um prêmio por seu último romance.
    Sujeito: escritor
    Núcleo do sujeito: escritor
    Adjunto adnominal: o
    Predicado: receberá um prêmio por seu último romance
    Núcleo do predicado: receberá
    Objeto direto: um prêmio
    Adjunto adverbial de causa: por seu último romance
  4. A paciência é uma grande virtude.
    Sujeito: a paciência
    Núcleo do sujeito: paciência
    Adjunto adnominal: a
    Predicado: é uma grande virtude
    Núcleo do predicado: virtude
    Predicativo do sujeito: uma grande virtude
  5. Chove torrencialmente.
    Predicado: hove torrencialmente
    Núcleo do predicado: chove
    Adjunto adverbial de modo: torrencialmente
  6. Nós vimos tudo.
    Sujeito: nós
    Núcleo do sujeito= nós
    Predicado: vimos tudo
    Núcleo do predicado= vimos
    Objeto direto= tudo
  7. Fecha a porta imediatamente!
    Sujeito oculto: tu
    Predicado: fecha a porta imediatamente
    Núcleo do predicado: fecha
    Objeto direto: a porta
    Adjunto adverbial: imediatamente
  8. Marcos adora os dias de chuva.
    Sujeito: Marcos
    Núcleo do sujeito: Marcos
    Predicado: adora os dias de chuva
    Núcleo do predicado: adora
    Objeto direto: os dias de chuva
    Complemento nominal: de chuva
  9. A médica de plantão me examinou com atenção.
    Sujeito: a médica de plantão
    Núcleo do sujeito: médica
    Adjunto adnominal: a
    Adjunto adnominal: de plantão
    Predicado: me examinou com atenção
    Núcleo do predicado: examinou
    Objeto indireto: me
    Adjunto adnominal de modo: com atenção
  1. Os amigos de José acharam a brincadeira divertida.
    Sujeito: os amigos de José
    Núcleo do sujeito: amigos
    Adjunto adnominal: os
    Adjunto adnominal: de José
    Predicado: acharam a brincadeira divertida
    Núcleo do predicado: acharam divertida
    Objeto direto: a brincadeira divertida
  2. A peça foi representada por excelentes atores.
    Sujeito: a peça
    Núcleo do sujeito: peça
    Adjunto adnominal: a
    Predicado: foi representada por excelentes atores.
    Núcleo do predicado: foi representada
    Agente da passiva: por excelentes atores
  3. Faz muito calor em Brasília.
    Oração sem sujeito
    Predicado: faz muito calor em Brasília
    Núcleo: faz
    Objeto direto: muito calor
    Adjunto adverbial de lugar: em Brasília
  4. Amanhã a sua tia Maria viajará para o México com sua amiga.
    Sujeito: a sua tia Maria
    Núcleo do sujeito: tia
    Aposto: Maria
    Predicado: amanhã viajará para o México com sua amiga
    Núcleo do predicado: viajará
    Adjunto adverbial de tempo: amanhã
    Adjunto adverbial de lugar: para o México
    Adjunto adverbial de companhia: com sua amiga
  5. Você conhece a minha sobrinha?
    Sujeito: você
    Núcleo do sujeito: você
    Predicado: conhece a minha sobrinha
    Núcleo do predicado: conhece
    Objeto direto: a minha sobrinha
  6. Um extraterrestre desceu feliz da sua nave.
    Sujeito: um extraterrestre
    Núcleo do sujeito: extraterrestre
    Adjunto adnominal: um
    Predicado: desceu feliz da sua nave
    Núcleo do predicado: desceu feliz
    Adjuntos adverbial de lugar: da sua nave
  7. Você me daria um copo de água?
    Sujeito: você
    Núcleo do sujeito: você
    Predicado: me daria um copo de água
    Núcleo do predicado: daria
    Objeto direto: um copo de água
    Objeto indireto: me
  8. João, o professor, não veio à festa.
    Sujeito: João, o professor
    Núcleo do sujeito: João
    Aposto: o professor
    Predicado: não veio à festa
    Núcleo do predicado: veio
    Adjunto adverbial de negação: não
    Adjunto adverbial de lugar: à festa
  9. O acusado insistiu na sua inocência diante do tribunal.
    Sujeito: o acusado
    Núcleo do sujeito: acusado
    Adjunto adnominal: o
    Predicado: insistiu na sua inocência diante do tribunal.
    Núcleo do predicado: insistiu
    Objeto indireto: na sua inocência
    Adjunto adverbial de lugar: diante do tribunal
  10. O filme era muito longo.
    Sujeito: o filme
    Núcleo do sujeito: filme
    Predicado: era muito longo
    Núcleo do predicado: longo
    Predicativo do sujeito: longo
    Adjunto adverbial de intensidade: muito

Referências

  • CUNHA, Celso; CINTRA, Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. 7. ed. Rio de Janeiro: Lexikon Editora Digital, 2016.
  • BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa. 37. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009.
  • LIMA, Rocha. Gramática normativa da língua portuguesa. 49. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2011.

Continue com:

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

KILLMANN, Márcia. Termos da oração. Enciclopédia de Exemplos, 2023. Disponível em: https://www.ejemplos.co/br/termos-da-oracao/. Acesso em: 26 fevereiro, 2024.

Sobre o autor

Autor: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Revisado por: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Data de publicação: 29 junho, 2023
Última edição: 4 agosto, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)