50 Exemplos de
Ditados populares

Os ditados são expressões comumente usadas que servem para dar um exemplo, chamar à reflexão ou ensinar algo sobre alguma coisa. Por exemplo:

Há ditados para todos os tipos de situações. Como seu significado não é literal, e sim o sentido figurado é priorizado, é importante considerar que os ditados geralmente não podem ser interpretados por qualquer pessoa, mas são compartilhados e compreendidos pelos falantes de uma determinada comunidade. Por exemplo: Água mole em pedra dura tanto bate até que fura.

Características dos ditados

Os ditados apresentam algumas características peculiares:

  • Na maioria dos casos, são de origem anônima, ou seja, seu autor é desconhecido.
  • Geralmente usam figuras de linguagem e artifícios literários, como versos e rimas, mas costumam ser simples, o que facilita sua memorização e transmissão.
  • Possuem um significado explícito (o que transmitem literalmente) e um significado implícito (o que transmitem figurativamente, que é o verdadeiro significado da frase).
  • São um tipo de parêmia, pois são frases populares transmitidas oralmente de geração em geração, que são repetidas praticamente de forma invariável e que expressam algum tipo de pensamento ou ensinamento moral.
  • Podem conter uma certa dose de ironia ou humor.
  • São formulados com base na experiência, por isso se referem à vida cotidiana e fazem parte da cultura e da memória coletiva de uma comunidade de falantes.

Exemplos de ditados populares (explicados)

  1. Caiu na rede, é peixe.” Tudo pode servir e as oportunidades devem ser aproveitadas sejam boas ou ruins. Também pode expressar uma crítica às pessoas que tudo aceitam.
  2. Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca se acabe.” Todas as situações pelas quais passamos na vida, as boas e mesmo as ruins que achamos que durarão para sempre, mais cedo ou mais tarde chegam ao fim.
  3. Onde Judas perdeu as botas.” Quando queremos dizer que um lugar é distante ou tem um acesso difícil.
  4. Quem tudo quer, tudo perde.” É importante ter objetivos pontuais e não querer ter ou fazer tudo ao mesmo tempo.
  5. Mais vale um pássaro na mão do que dois voando.” É melhor apostar no seguro do que em algo que não é certo.
  6. Casa de ferreiro, espeto de pau.” Paradoxalmente, em lugares onde, pela lógica, certos objetos, habilidades ou características deveriam ser abundantes, geralmente estão em falta.
  7. A mentira tem perna curta.” Uma mentira não se sustenta com o tempo, ela sempre acaba sendo descoberta.
  8. Tal pai, tal filho.” As pessoas tendem a seguir os mesmos costumes ou a ter as mesmas qualidades de seus pais, mães ou pessoas de referência.
  9. De grão em grão, a galinha enche o papo.” Com paciência e aos poucos é possível atingir um objetivo.
  10. Pimenta nos olhos dos outros é refresco.” Quando as dores, o sofrimento e os problemas ocorrem com a outra, não dói na gente e não somos empáticos com esta dor.
  11. Quando um burro fala, o outro abaixa as orelhas.” Quando se quer ser escutado e as pessoas estão falando. É um pedido de silêncio e atenção.
  12. O peixe morre é pela boca.” É melhor ser discreto e cuidadoso ao falar, caso contrário, podemos nos meter em problemas. O peixe abre a boca para morder a isca e é fisgado.
  13. O pior cego é aquele que não quer ver.” Há pessoas que não querem aceitar uma determinada situação, e é inútil tentar convencer alguém a ver o que quer negar.
  14. Cachorro que late não morde.” Muitas vezes, as pessoas que mais ameaçam são as menos perigosas depois. Aqueles que guardam suas palavras para si mesmos não concretizam suas ações.
  15. Quem com ferro fere, com ferro será ferido.” Quando uma pessoa faz mal para outra, pode sofrer consequências negativas mais tarde.
  16. Deus ajuda quem cedo madruga.” Uma pessoa que se esforça será recompensada. Para atingir as metas, é importante trabalhar e se dedicar.
  17. A cavalo dado não se olha os dentes.” Quando uma pessoa recebe algo como presente ou de graça, deve aceitá-lo de bom grado e sem exigências. É considerado uma falta de educação focar na qualidade de um presente, bem como apontar seus defeitos ou falhas.
  18. Cria corvos e eles lhe arrancarão os olhos.” Devemos ter cuidado porque, às vezes, as pessoas que ajudamos respondem com ingratidão e retribuem com maldade o bem que lhes foi feito.
  19. Diga-me com quem você anda e eu lhe direi quem você é.” As pessoas geralmente são definidas por suas companhias, para melhor ou pior. Assim, você pode inferir os gostos e hábitos de uma pessoa pelas amizades e ambientes que ela frequenta.
  20. Quem tem fama deita na cama.” Às vezes, as primeiras impressões são as mais importantes. Se uma pessoa conseguir parecer responsável, é provável que aqueles que a rodeiam continuem a vê-la dessa forma, mesmo que ela não seja mais assim. O contrário também pode ser verdade: alguém que causou uma má impressão terá dificuldade em reverter a situação.
  21. Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje.” É melhor não ser preguiçoso e encarar as responsabilidades com empenho em vez de procrastinar, pois mais tarde talvez não tenhamos a chance de fazê-lo.
  22. Nem tudo que reluz é ouro.” Não devemos nos concentrar nas aparências das coisas ou das pessoas, pois nem tudo o que por fora parece bom ou valioso é de fato bom ou valioso.
  23. Pau que nasce torto, nunca se endireita.” Se uma pessoa não tiver sido educada adequadamente, é provável que ela não mude seus hábitos no futuro.
  24. Para bom entendedor, meia palavra basta.” Em determinadas ocasiões, não faz falta dar muitas explicações que se subentende o que está sendo dito nas entrelinhas.
  25. Onde há fumaça há fogo.” Mesmo que um relacionamento amoroso tenha chegado ao fim, as lembranças e os sentimentos podem permanecer entre as pessoas envolvidas. Há algo misterioso que gera dúvidas sobre o que está acontecendo.
  26. Os olhos não veem, o coração sente.” As pessoas não podem sofrer por algo que desconhecem.
  27. Barriga cheia, coração contente.” Sentir fome é desagradável, portanto, quando nosso apetite é satisfeito, nos sentimos felizes e realizados.
  28. Escreveu, não leu, o pau comeu.” Quando uma pessoa não é prudente ou não presta atenção em suas ações, pode sofrer consequências sérias.
  29. Águas passadas não movem moinhos.” Quando algo já passou, não se pode mudar esta realidade. Não adianta lamentar o passado.
  30. O homem é senhor do que pensa e escravo do que diz.” Cada pessoa deve se responsabilizar pelo que diz e muitas vezes é melhor se manter calado.

Mais exemplos de ditados populares

  1. O bom filho à casa torna.
  2. Sorte no jogo, azar no amor.
  3. Quem ri por último ri melhor.
  4. Uma mão lava a outra.
  5. Quem tem boca vai a Roma.
  6. Quem casa quer casa.
  7. Devagar se vai ao longe.
  8. Ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão.
  9. Melhor prevenir do que remediar.
  10. Há males que vêm para bem
  11. Quem semeia vento, colhe tempestade.
  12. Quando a esmola é demais o santo desconfia.
  13. É na necessidade que se conhece o amigo.
  14. Nem tanto ao mar nem tanto à terra.
  15. A curiosidade matou o gato.
  16. Em boca fechada não entra mosca
  17. Quando o gato sai os ratos fazem a festa.
  18. O barato sai caro
  19. As aparências enganam.
  20. A pressa é a inimiga da perfeição.

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

RIBAS, Natalia. Ditados populares. Enciclopédia de Exemplos, 2024. Disponível em: https://www.ejemplos.co/br/ditados-populares/. Acesso em: 25 maio, 2024.

Sobre o autor

Autor: Natalia Ribas

Licenciada em Letras (Universidad de Buenos Aires).

Traduzido por: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Data de publicação: 28 abril, 2024
Última edição: 28 abril, 2024

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)