Exemplos de
Texto descritivo

Um texto descritivo é aquele que caracteriza certos aspectos de um elemento, que pode ser um fato, uma pessoa, uma situação, um objeto, um animal, um lugar, entre outras coisas. Por exemplo: o anúncio para a venda de uma casa, em que as suas características são detalhadas.

Descrever é representar em palavras a aparência ou as características de algo. Os textos descritivos, geralmente, abordam um tema ou tópico com o objetivo de detalhar suas características ou atributos, sejam externos ou de qualquer outra natureza. O objetivo é permitir que o leitor ou ouvinte forme as suas próprias representações mentais do que está sendo descrito, mesmo sem ter visto.

Os textos descritivos estão presentes em diversas áreas, incluindo a literatura, o discurso histórico, as ciências e o direito. Também é muito comum encontrar descrições na vida cotidiana. Por exemplo: quando descrevemos a alguém um lugar para onde viajamos.

Características do texto descritivo

Os textos descritivos geralmente têm as seguintes características:

  • Predominam as orações enunciativas e atributivas, ou seja, aquelas que apresentam um verbo de ligação e um atributo.
  • Em geral, empregam o tempo presente e o pretérito imperfeito do tempo indicativo.
  • O uso de substantivos e adjetivos é predominante, já que permitem nomear e caracterizar o que está sendo descrito.
  • São utilizados advérbios e conectores espaciais (acima, abaixo, à esquerda).
  • Complementos circunstanciais de tempo, modo e lugar são usados para contextualizar o que é descrito.
  • Dependendo do tipo de descrição, várias figuras de linguagens podem aparecer, incluindo: metáforas, comparações ou símiles e enumerações.

Tipos de descrições

Os textos descritivos são classificados de acordo com diferentes critérios:

De acordo com o ponto de vista

  • Descrição objetiva. Utiliza um ponto de vista geral que está o mais próximo possível da realidade. Predomina a terceira pessoa do discurso, a linguagem denotativa, os adjetivos específicos e descritivos e o verbo no presente com seu valor atemporal. Por exemplo: a descrição das características de uma espécie animal em um texto científico.
  • Descrição subjetiva. Mostra um ponto de vista pessoal, ou seja, ocorre a intervenção dos pensamentos e sentimentos do emissor em relação ao que ele está percebendo. Pode usar tanto a linguagem denotativa quanto a conotativa, e muitas vezes inclui a primeira pessoa, orações exclamativas e adjetivos valorativos. Por exemplo: a descrição que uma mãe faz das qualidades de seu filho.

De acordo com a intenção do texto

  • Descrição técnica. É utilizada em textos formais e científicos. Procura-se objetividade, já que a intenção é descrever algo com precisão e rigor. Além dos recursos das descrições objetivas, geralmente inclui termos técnicos e vocabulários específicos para cada área. Predomina a função referencial da linguagem. Por exemplo: a descrição dos componentes de uma máquina de lavar em um manual de instruções.
  • Descrição literária. É utilizada em textos literários. O objetivo é descrever algo do ponto de vista do autor. Além dos elementos das descrições subjetivas, frequentemente aparecem figuras de linguagem, orações exclamativas e outros recursos expressivos. A função estética da linguagem é predominante. Por exemplo: a descrição da pessoa amada em um poema.

Para considerar: Nos gêneros literários narrativos, tais como contos ou romances, podem ser encontrados muitos recursos retóricos descritivos, inclusive:

  • Prosopografia. Descreve a aparência externa de uma pessoa ou personagem.
  • Etopeia. Descreve os aspectos morais, psicológicos e os costumes de uma pessoa ou personagem.
  • Retrato. Descreve uma pessoa ou personagem de um ponto de vista físico, psicológico e moral.
  • Autorretrato. Retrato que um autor faz de si mesmo.
  • Caricatura. Descreve uma pessoa exagerando e deformando suas características com intenção satírica.
  • Topografia. Descreve-se um lugar, paisagem ou ambiente.

Dependendo da natureza do que é referenciado

  • Descrição estática. Refere-se a objetos, lugares ou situações que permanecem fixos e estáveis. Predominam os verbos como ser ou estar.
  • Descrição dinâmica. Refere-se a um processo ou realidade em dinâmica. Predominam os verbos de movimento, como aproximar-se, mover-se, afastar-se, entre outros.

Exemplos de textos descritivos

  1. Texto descritivo sobre uma pessoa: meu vizinho

Meu vizinho é uma pessoa extraordinária. Ele é um homem alto e robusto, e está sempre disposto a ajudar a todos nós que vivemos no edifício. Seu cabelo é castanho, mas os primeiros cabelos grisalhos começaram a aparecer. Seus olhos amendoados sempre vislumbram sua alegria, e sempre o vemos sorrindo.

No começo, ele me pareceu uma pessoa muito tímida, mas com o passar dos dias, começamos a conversar e descobri que não era timidez que ele estava mostrando, mas uma vontade natural de observar seu entorno e de ouvir os outros atentamente. Ele é o melhor vizinho que poderíamos ter.

  1. Texto descrevendo um animal: o gato da Márcia

A Márcia tem um gato chamado Pompom. Ela o nomeou assim porque ele é completamente branco. O tamanho dele é médio e tem o pelo longo. Isso faz com que pareça uma bola de algodão.

Pompom dorme durante o dia e caminha à noite. A Márcia deixa uma janela aberta porque ele adora sair e aprontar no telhado dos vizinhos. No meio da noite, depois de um tempo passeando pelas ruas, Pompom geralmente volta para casa e se deita ao lado da sua tutora até a manhã seguinte.

  1. Texto descritivo de uma planta: plantas herbáceas

As plantas herbáceas, conhecidas também como “ervas”, são plantas com uma alta capacidade de crescimento e germinação. São também altamente adaptáveis e resistentes a diferentes climas, razão pela qual são o tipo de planta mais difundido no mundo. Seus caules são muito finos e flexíveis, o que as distingue das árvores e arbustos, que possuem caules lenhosos.

Algumas plantas herbáceas são comestíveis e, portanto, têm diversos usos na gastronomia (por exemplo, tomilho, sálvia). Há também ervas com propriedades medicinais, que são frequentemente usadas em chás ou óleos essenciais (por exemplo, kava, erva de São João). Além disso, há algumas espécies de ervas que são utilizadas em jardinagem pelo valor estético de suas flores, e outras que têm usos cosméticos.

  1. Texto descritivo de um objeto: um lápis

Um lápis é um item usado para escrever ou desenhar, e geralmente consiste de um cilindro ou prisma de madeira contendo uma haste de grafite no seu interior.

Além disso, os lápis podem ter diferentes durezas: eles são classificados de 9H (os mais duros) a 9B (os mais macios). Por essa razão, alguns lápis são mais adequados para o desenho artístico e outros para o desenho técnico.

Os lápis apresentam-se em várias cores e tamanhos e estão disponíveis em livrarias e papelarias.

  1. Descrição técnica de um metal: o titânio

O titânio é um elemento químico com número atômico 22 e símbolo Ti. É um metal de cor cinza escuro, com alta dureza e baixa densidade. É muito resistente à corrosão e tem propriedades físicas semelhantes às do aço.

O titânio é um elemento abundante na crosta terrestre e tem usos diversos, inclusive no setor aeroespacial e aeronáutico.

  1. Descrição literária de personagens: Gabriela Cravo e Canela, de Jorge Amado.

Meu Deus, onde encontrar cozinheira? Não podia ficar pagando fortunas às irmãs dos Reis. E logo em dias de movimento, hoje assassinatos, amanhã enterros… E, ainda pior, ter de almoçar e jantar no Hotel Coelho, aquela porcaria de comida sem gosto. O jeito era encomendar em Aracaju, pagar a passagem.

Parou ante uma velha, mas tão velha que certamente apenas teria tempo de morrer ao chegar em sua casa. Dobrava-se num bastão, como conseguira atravessar tanto caminho até Ilhéus? Chegava a dar aflição, tão velha e ressequida, um resto de gente. Tanta desgraça no mundo…

Foi quando surgiu outra mulher, vestida de trapos miseráveis, coberta de tamanha sujeira que era impossível ver-lhe as feições e dar-lhe idade, os cabelos desgrenhados, imundos de pó, os pés descalços. Trazia uma cuia com água, entregou nas mãos trêmulas da velha, que sorveu ansiosa.

Segundo capítulo “De como Nacib contratou uma cozinheira ou dos complicados caminhos do amor”, Gabriela Cravo e Canela, de Jorge Amado.

Como escrever um texto descritivo?

Antes de escrever um texto descritivo, é importante:

  • Observar cuidadosa e detalhadamente o que vamos descrever a fim de identificar as suas características ou qualidades.
  • Escolher quais características são mais importantes para destacar ou mais representativas do que estamos descrevendo.
  • Definir que tipo de descrição queremos fazer: objetiva ou subjetiva, técnica ou literária, estática ou dinâmica.

Para escrever um texto descritivo, é necessário:

  • Organizar as informações para apresentá-las de forma ordenada e precisa.
  • Escrever o texto em si, levando em conta a coesão e a coerência.
  • Revisar e corrigir o texto para chegar à versão final.

Continue com:

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

KILLMANN, Márcia. Texto descritivo. Enciclopédia de Exemplos, 2023. Disponível em: https://www.ejemplos.co/br/texto-descritivo/. Acesso em: 24 setembro, 2023.

Sobre o autor

Autor: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Revisado por: Cristina Zambra
Data de publicação: 6 junho, 2023
Última edição: 4 agosto, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)