30 Exemplos de
Palavras homógrafas

As palavras homógrafas são aquelas que têm a mesma grafia, mas significados diferentes. Por exemplo:

  • Rio (corrente de água)/rio (verbo “rir”).
  • Sobre (preposição)/sobre (conjugação do verbo “sobrar”).

O significado das palavras homógrafas pode ser confundido, portanto, para entendê-las corretamente, é necessário recorrer ao contexto. Por exemplo:

As palavras homógrafas são diferentes das homófonas, que são palavras pronunciadas da mesma forma, mas que podem ter grafias diferentes. Por exemplo: cesto (recipiente) sexto (numeral); conserto (reparação)/concerto (show).

Ambos os tipos de fenômenos são casos particulares de homonímia, que ocorre quando duas palavras compartilham uma forma comum, mas têm uma origem diferente e seu significado é muito distinto. Por exemplo: cassar (anular, cancelar)/caçar (capturar); cerca (próximo)/cerca (cercado).

Exemplos de palavras homógrafas

PalavraSignificadosExemplos
amo Proprietário ou mestre, possuidor de algo. O cão deve obedecer ao seu amo.
Conjugação do verbo “amar”. Amo os dias de sol.
pata Pé e perna de um animal. O cachorro marrom tem uma pata branca.  
Fêmea do pato. A pata nadava com seus patinhos.
manga Fruta amarela, oval e comestível. A manga tem muita vitamina C.
Parte de uma camisa, vestido, casaco. Você cresceu e a manga da sua camisa ficou curta.
apontar Assinalar com o dedo. Pare de apontar o dedo para mim!
Aparar. Preciso apontar meu lápis.   
bota Calçado que protege o pé, o tornozelo e, às vezes, a perna. Pisei na lama e minha bota ficou toda suja.
Conjugação do verbo “botar” Ela sempre bota a culpa em mim.
colar Usar uma substância adesiva. Segure firme na hora de colar as duas peças.
Copiar de alguém. Quem colar na prova será punido.
cara Face, semblante Quando ela me viu, fez uma cara de surpresa.
Com preço mais alto que o normal. Essa propriedade é muito cara.
nada Nenhuma coisa. Eles se despediram sem dizer mais nada.
Conjugação do verbo “nadar”. O jovem nada na piscina.
terno Tipo de roupa. Usarei um terno preto no casamento.
Afetuoso, meigo. Ele é muito terno com sua irmãzinha.

Orações com palavras homógrafas

  1. O acordo que fizeram foi ótimo para ambas as partes./Sempre acordo às 6h da manhã.

    Acordo: Ato ou efeito de acordar, deliberar em conjunto./Conjugação do verbo “acordar”.
  2. Nunca boto fora uma nota fiscal./Esta semana apareceu um boto na praia.

    Boto: Conjugação do verbo “botar”./Golfinho.
  3. Caiu um cisco no meu olho. /Eu sempre olho pela janela antes de abrir a porta.

    Olho: Órgão da visão./Conjugação do verbo “olhar”.
  4. O livro que você está procurando está naquela pilha ali. Minha mãe adora seu radinho de pilha.

    Pilha: Conjunto de elementos colocados uns sobre os outros. /Dispositivos que transforma energia química em elétrica.
  5. Deixe uma vela à mão para o caso de faltar luz. /Reconheci o barco de longe pela cor de sua vela.

    Vela: Cilindro de cera com um pavio, usado para iluminação ou decoração./Em um navio, um pedaço de lona normalmente usado para capturar o vento e impulsionar o navio.
  6. Peço a ele que se cale para que eu possa me concentrar./Peça ao verdureiro que cale a melancia.

    Cale: Conjugação do verbo “calar”, ficar em silêncio, não dizer algo, parar de falar./Fazer um corte em uma fruta para provar.
  7. A lima é uma fruta cítrica./Preciso de uma lima nova, a minha enferrujou.

    Lima: Fruto da limeira./Como substantivo, instrumento para lixar e polir materiais ou superfícies duras.
  8. O jovem fez um corte no dedo enquanto cozinhava./As senhoras da corte não comparecerão ao evento.

    Corte: Conjugação do verbo “cortar”, dividir, separar. Como substantivo, ação e efeito de cortar./A família e o séquito do rei.
  9. Ela chegu cerca de cinco minutos depois dele./O cachorro pulou a cerca e fugiu.

    Cerca: Próximo no tempo e/ou no espaço. /Cerca, muro ou parede.
  10. O jovem lava suas roupas no rio./O vulcão liberou uma grande quantidade de lava.

    Lava: Conjugação do verbo “lavar”, limpar algo com água ou outro líquido./Matéria derretida que sai de um vulcão em erupção.
  1. Vamos nos refrescar no rio./Quando assisto a esse filme, sempre rio.

    Rio: Corrente de água que flui./Conjugação do verbo “rir”, para expressar felicidade ou alegria com o rosto e os sons.
  2. A cola é mais forte do que outros adesivos./Quem cola não aprende.

    Cola: Substância adesiva./Conjugação do verbo “colar”, sinônimo de “copiar”.
  3. Depois de tudo que disse, sentia-se leve e segura./Quero que leve este bilhete para a sua tia.

    Leve: Que possui pouco peso./Conjugação do verbo “levar”, transportar.
  4. A comitiva real já está no palácio./Esta história é real.

    Real: Pertencente ou relacionado ao rei ou à realeza./Ter existência objetiva no mundo.
  5. Convido você para ir à minha casa hoje à noite./Meu irmão se casa esta tarde com minha melhor amiga.

    Casa: Edifício em que se mora. Família, descendência ou linhagem./Conjugação do verbo “casar”.
  6. A dona da casa cobra o aluguel pessoalmente todos os meses./O veneno de uma cobra pode ser muito tóxico.

    Cobra: Conjugação do verbo “cobrar”, receber dinheiro./Réptil venenoso com mais de um metro de comprimento, que pode se erguer.
  7. O tanque de água está vazio./O tanque estava avançando sobre a cidade em ruínas.

    Tanque: Grande recipiente ou reservatório para líquidos ou gases./Veículo blindado, blindado e motorizado de guerra.
  8. Ele mora no mesmo lugar há 20 anos./A mora de mais de uma semana no pagamento será penalizada.

    Mora: Conjugação do verbo “morar”, viver, habitar./Demora em cumprir com uma obrigação, em geral, econômica.
  9. Ana adora jogar tênis./Comprei um tênis novo para ir à escola.

    Tênis: Esporte./Calçado de lona, tecido, couro.
  10. O sol estava muito intenso./A nota sol é representada pela letra “G”.

    Sol: Estrela luminosa, centro do sistema planetário em que a Terra se encontra./Quinta nota da escala musical.

Palavras homógrafas e palavras polissêmicas

As palavras homógrafas e as palavras polissêmicas não devem ser confundidas. Uma palavra polissêmica é aquela que tem dois ou mais significados. Isso significa que a polissemia se refere a uma característica de palavras individuais, enquanto a homografia (e, de forma mais geral, também a homonímia) é um fenômeno que ocorre entre dois ou mais termos.

Além disso, na polissemia há uma lógica de significado que explica a ligação entre os diferentes significados de um termo, já que eles compartilham a mesma origem etimológica. Por exemplo: a palavra “língua” vem do latim lingua e designa o órgão que é composto por músculos, o qual usamos para comer e falar. Por metonímia, este termo passou a se referir à linguagem.

No caso de palavras homógrafas, por outro lado, não existe essa origem comum, pois são termos diferentes que compartilham apenas a forma, não a etimologia. Por exemplo: coro (coral)/coro (verbo “corar”).

Para considerar: Para diferenciar as palavras homógrafas das palavras polissêmicas, além de verificar sua origem, é melhor consultá-las no Dicio – Dicionário Online de Português ou no Michaelis On-line, entre outros.

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

KILLMANN, Márcia. Palavras homógrafas. Enciclopédia de Exemplos, 2024. Disponível em: https://www.ejemplos.co/br/palavras-homografas/. Acesso em: 25 maio, 2024.

Sobre o autor

Autor: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Data de publicação: 5 abril, 2024
Última edição: 5 abril, 2024

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)