50 Exemplos de
Palavras homófonas

As palavras homófonas são aquelas que soam da mesma forma, mas têm significados diferentes e grafias diferentes. Por exemplo:

  • Cozer (verbo “cozinhar”)/coser (verbo “costurar”).
  • Nós (pronome pessoal)/noz (fruto da nogueira).
  • Senso (sentido)/censo (pesquisa, levantamento de dados periódicos).

Na oralidade, o significado dos homófonos pode ser desambiguado pelo contexto. Por exemplo:

  • Preciso coser esta calça rasgada./Preciso cozer feijão para o almoço.
  • Tenho alergia a noz./Nós iremos ao cinema hoje.
  • Tinha um senso crítico muito desenvolvido para a sua idade./Há cinco anos não realizam o censo no nosso país.

Existem palavras que têm a mesma escrita, porém têm significados e sons diferentes, são chamadas homógrafas. Isto ocorre quando, além da pronúncia ser igual, a escrita também é do mesmo modo. Por exemplo: força (conjugação do verbo “forçar”) e força (substantivo).

Ambos os tipos de fenômenos são casos particulares de homonímia, ou seja, quando duas palavras compartilham uma forma comum, mas têm uma origem e um significado diferentes. Por exemplo: cela (lugar onde ficam os prisioneiros)/sela (peça de couro); gosto (sabor)/gosto (conjugação do verbo “gostar”).

Exemplos de palavras homófonas

tachou

taxou
Censurar, desaprovar.A empresa me tachou de incompetente.
Qualificar, tributar.A prefeitura taxou novos impostos.
vir

vir
Conjugação do verbo “ver”, 1ª pessoa do futuro do subjuntivo.Quando você vir o seu irmão, diga-lhe que preciso falar com ele.
Verbo “vir”. Peça-lhe para vir o mais rápido possível.
auto    

alto
De si mesmo.Escreveu a sua autobiografia.
Que se refere à altura, elevado.Desde pequeno, notava-se que seria um garoto muito alto.
seda  


seda  


ceda
Tipo de tecido ou fio. Substância que segregam alguns animais.Esta camisa é de seda natural.
Conjugação do verbo “sedar”.O doutor seda seus pacientes antes de fazer a cirurgia.
Conjugação do verbo “ceder”.Ceda o lugar no ônibus para os idosos.
pode  


pôde
Conjugação do verbo “poder”, 3ª pessoa do singular do presente do indicativo.Você não pode fazer isso agora.
Conjugação do verbo “poder”, 3ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo.Como pôde fazer isso comigo?
cervos

servos
Veado.Havia muitos cervos nesta floresta.
Escravo, criado.Trabalhavam na condição de servos.
sessão  



seção    



cessão
Tempo que dura um espetáculo ou programa.Vamos à próxima sessão de cinema assistir o último ganhador do Óscar.
Parte de uma obra literária, artigos, capítulos. Subdivisão, repartição.Escreveu um artigo para a seção de política do jornal.
Ato de ceder, transferir, cedimento.Ela confirmou a cessão dos seus bens em favor do seu irmão.
incerto

inserto
O que não é certo.Seu destino era incerto.
Que inseriu, introduziu.O mapa já está inserto no trabalho?
espiavam


expiavam
Espionar, observar secretamente.Os garotos espiavam as colegas no recreio.
Reparar um erro ou falta, receber punição.Você sabe como as pessoas expiavam seus pecados antigamente?
Vês

Vez
Conjugação do verbo “ver”.Se tu fechares os olhos, não me vês.
Ocasião ou alternância de coisas.Lembro quando a vi pela primeira vez.

Orações com palavras homófonas

  1. Espero que o cheque tenha fundos.
    Cheque. Ordem de pagamento que equivale a dinheiro.
  2. Surpreendeu a todos com o xeque-mate.
    Xeque. Movimento no xadrez.
  3. A menina levava um cesto de flores para a sua avó.
    Cesto. Pequena cesta.
  4. Ficou em sexto lugar na competição.
    Sexto. Numeral ordinal.
  5. O prefeito teve seu mandato cassado.
    Cassar. Revogar, anular algo.
  6. Cláudio adora caçar.
    Caçar. Realizar caçadas.
  7. Pagou caro pego conserto do veículo.
    Conserto. Restauração, reparos.
  8. Esperou um ano pelo concerto do seu pianista preferido.
    Concerto. Show, espetáculo musical.
  9. Acendeu o fogo para fazer o churrasco.
    Acender. Colocar fogo, ligar.
  10. Carolina as acendeu no trabalho, agora era a diretora da empresa.
    Ascender. Subir de posto, elevar-se.
  11. Comeu tudo e depois virou o cocho.
    Cocho. Comedouro, bebedouro de animais.
  12. José machucou a perna e ficou coxo.
    Coxo. Manco.
  13. Na mitologia, Hera era a deusa grega que estava casada com Zeus.
    Hera. Deusa grega. Planta trepadeira.
  14. Era uma decisão difícil a ser tomada.
    Era. Conjugação do verbo “ser”.
  1. Meu cinto está muito apertado.
    Cinto. Faixa ou acessório atado na cintura.
  2. Sinto um aperto no meu coração.
    Sinto. Conjugação do verbo “sentir”.
  3. A qual praia iremos hoje?
    A. Preposição que introduz diversos complementos e significa, entre outras coisas, direção.
  4. Ah, não lembro mais o que você me disse.
    Ah. Interjeição que denota admiração, pena, surpresa, emoção, entre outros.
  5. As espécies estudadas pertenciam a estratos diferentes.
    Estrato. Camadas, divisões.
  6. Gosto de usar extrato de tomate no molho.
    Extrato. Aquilo que foi extraído de algo.
  7. Ela sempre cortou o cabelo de acordo com as fases da Lua.
    Fases. Períodos, épocas.
  8. Se tu fazes a lição, poderás jogar bola.
    Fazes. Conjugação do verbo “fazer”.
  9. Não desejo mal a ninguém.
    Mal. Substantivo. O contrário de “bem”.
  10. O homem era muito mau com seus vizinhos.
    Mau. Adjetivo. O contrário de “bom”.
  11. De repente, ouve um barulho intenso e não sabe de onde vem.
    Ouve. Conjugação do verbo “ouvir”.
  12. Por favor, me conte o que houve.
    Houve. Conjugação do verbo “haver”.
  13. A parte que ela mais gosta do frango é a coxa.
    Coxa. Parte do membro inferior, anca.
  14. Ela sempre cocha o cinto quando entra no carro.
    Cocha. Conjugação do verbo “cochar”.
  15. Alberto sentia-se lasso e perdido.
    Lasso. Cansado. Entediado. Sem estabilidade. Que oscila.
  16. A partir daquele dia, todos teriam um laço forte.
    Laço. Nó. União, compromisso, vínculo.
  17. Partiu e deixou um seara de amigos inesquecíveis.
    Seara. Área cultivada. Âmbito de pessoas comprometidas com algum princípio.
  18. Preocupava-lhe se o filho ceara antes de chegar.
    Ceara. Conjugação do verbo “cear”.
  1. Eu asso o frango e faço a salada, depois você lava os pratos.
    Asso. Conjugação do verbo “assar”.
  2. Adoro as minhas baixelas de aço inoxidável.
    Aço. Liga de ferro com carbono.
  3. Adorei a nossa última viagem de férias.
    Viagem. Ato de viajar, de se deslocar de um lugar a outro.
  4. Aqueles que não viajem conosco devem aguardar no hotel.
    Viajem. Conjugação do verbo “viajar”.
  5. Seus cabelos já estavam bastante ruços.
    Ruços. Cabelos grisalhos.
  6. Os russos adoram festas com seus amigos e parentes. 
    Russos. Que nasceu na Rússia.
  7. Ora sorri, ora reclama da vida.
    Ora. Conjunção alternativa.
  8. Chegou com 1 hora de atraso.
    Hora. Unidade de tempo que equivale a sessenta minutos.
  9. Foi roubado e ficou sem dinheiro para pegar o ônibus.
    Sem. Ausência ou privação.
  10. Já falei mais de cem vezes que não receberia ninguém hoje.
    Cem. Numeral.
  11. Ganhei um vaso de flores.
    Vaso. Recipiente para líquidos ou plantas.
  12. Se me sentir mal na festa, eu vazo.
    Vazo. Conjugação do verbo “vazar”.
  13. A cauda do pavão quando se abre é belíssima.
    Cauda. Prolongamento em certos animais vertebrados da coluna; rabo.
  14. Antes de começar a fazer o pudim, prepare a calda.
    Calda. Líquido espesso feito com água e açúcar.

Atenção: Existem palavras que são homófonas em determinadas regiões do Brasil e em outras não, assim como os fonemas podem diferir no caso do português do Brasil e de Portugal.

Por exemplo, precisamos considerar que no Brasil, as vogais átonas e tônicas são pronunciadas com mais clareza. A letra “L”, no final da sílaba, também tem uma fonética diferente nos dois países. No Brasil pronuncia-se como “u”. Por exemplo: papel – /pa peu/, enquanto que em Portugal o “L” tem som de “L”. Por outro lado, em certas regiões do Brasil, as vogais finais “o” são pronunciadas como “u”, por exemplo: carro – /carru/ e a letra “e” é pronuncia-se como “i”, por exemplo: pente – /penti/.

Referências

  • MICHAELIS, Moderno Dicionário da Língua Portuguesa. São Paulo: Companhia Melhoramentos, 2015. Disponível em: Michaelis Acesso em: 29/04/2023.
  • DICIO, Dicionário Online de Português. Porto: 7Graus, 2020. Disponível em: Dicio Acesso em: 29/04/2023.

Continue com:

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

KILLMANN, Márcia. Palavras homófonas. Enciclopédia de Exemplos, 2023. Disponível em: https://www.ejemplos.co/br/palavras-homofonas/. Acesso em: 26 fevereiro, 2024.

Sobre o autor

Autor: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS, Brasil), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur).

Revisado por: Cristina Zambra

Licenciada em Letras: Português e Literaturas da Língua Portuguesa (UNIJUÍ).

Data de publicação: 29 junho, 2023
Última edição: 4 agosto, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)